TRATANDO A GRIPE: PINGAR ÁGUA OXIGENADA NO OUVIDO É EFICAZ?

Tem circulado na internet, já há algum tempo, a informação de que se pingar gotas de água oxigenada (Peróxido de Hidrogênio) no ouvido pode amenizar ou até mesmo curar a gripe.

Esta informação tem sido massivamente compartilhada pelas mídias sociais e bloque. Podemos até encontrar tutoriais e infográficos no google contendo essa informação, tal como podemos observar abaixo.

A solução feita à base de peróxido de hidrogênio é usada para limpar ferimentos da pele e cicatrizes cirúrgicas. Como tem função desinfetante, pode eliminar  bactérias e vírus que causam infecções locais e tem seu uso bem estabelecido pela medicina. A questão é que não há indícios de que ela consiga atravessar a derme para, assim, agir sistemicamente.

Basicamente  a Água Oxigenada é um agente oxidante que em uma concentração de 3 a 6% tem poder desinfetante e esterilizante, podendo até ser corrosivo para instrumentos de metal. Sua ação se deve ao ataque da membrana lipídica, DNA e outros componentes das células, pelos radicais livres tóxicos que o peróxido produz, sendo assim efetivo para bactérias e alguns vírus.

Para se ter uma ideia. O Peróxido de Hidrogênio é também utilizado para desinfecção de materiais contaminados pelo HIV, a uma concentração de 6%, numa imersão por 15 a 30 minutos.

E é este o ponto. Basicamente sua ação se dá por imersão do objeto contaminado e contato direto com o vírus ou bactéria, não havendo estudos ou outras provas que digam que beber ou mesmo colocar a água oxigenada em alguma cavidade de corpo humano,  seja capaz de fazer com que ela seja absorvida e elimine vírus, como o da gripe, em uma infecção no corpo humano ou animal.

Segundo nota feita por Lauro Alcântara, chefe do serviço de otorrinolaringologia do Hospital Pequeno Príncipe, em Curitiba,pingar gotas de água oxigenada no ouvido seria o mesmo que pingar uma gota da mesma solução na testa e imaginar que seria o suficiente para abrandar a gripe,” comenta o médico.

Outro ponto de vista é que a água da solução de peróxido de hidrogênio ao ficar retida no ouvido interno poderá estimular o aparecimento de uma infecção, Otite, causando dores e assim, uma segunda infecção ao paciente.

Com base nessas informações, temos que a prática de pingar água oxigenada no ouvido não passa de uma crença sem fundamento científico que corroborem para esta afirmativa, se tratando então de uma Fake News.


Com nota do Hospital Pequeno Príncipe – Curitiba – Brasil

Publicado pela Revisa Saúde Abril

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *