SINUSITE x RINITE: DIFERENÇAS

É comum associar os dois casos porque uma rinite pode desencadear a sinusite, mas é importante lembrar são doenças distintas.

A rinite não tem cura na maioria das vezes, mas a sinusite sim. Em alguns casos é preciso recorrer a intervenção cirúrgica, mas é possível obter a cura até para a sinusite crônica.

A rinite é uma inflamação da mucosa do nariz, que pode ser infecciosa ou causada por agentes alergênicos. Os sintomas são, geralmente, nariz entupido, coriza (secreção clara e fluida), coceira no nariz e espirros.

A sinusite é provocada pela inflamação da mucosa dos seios da face. Essas cavidades, podem ficar entupidas prejudicando o fluxo normal do muco. O acúmulo do muco favorece a proliferação de bactérias causando a sinusite. O quadro agudo da sinusite manifesta sintomas mais incisivos como dores fortes na face, tosse, febre e muita secreção no nariz. Continue lendo

DESVIO DE SEPTO NASAL

Dentro do nariz, localiza-se a cavidade nasal, que se encontra dividida em duas passagens pelo septo nasal. O septo nasal é composto tanto por osso, como por cartilagem e se estende dos orifícios nasais até à parte posterior do nariz.

O septo nasal é uma estrutura onde se encontra ossos (na sua parte posterior) e cartilagem (na porção anterior),que divide o nariz em duas narinas.  Ele é revestido pelo mesmo tipo de tecido que forra internamente o nariz, conhecido por mucosa nasal.

Normalmente, o septo nasal é reto, ficando no meio das duas narinas. Quando ele está torto para um dos lados, chamamos de desvio. Assim, a narina que contém o desvio torna-se mais estreita à passagem do ar, dificultando a respiração. Isso acontece devido a um defeito de nascença ou uma lesão, e posicionado de modo que uma narina seja muito menor que a outra. Continue lendo