GEL CONTRACEPTIVO MASCULINO SERÁ TESTADO ESTE ANO

O Instituto Nacional de Saúde Infantil e Desenvolvimento Humano (Nichd) dos Estados Unidos desenvolveu um gel contraceptivo masculino, que bloqueia temporariamente a produção de esperma no corpo humano. O novo método começará a ser testado em abril, com 400 casais.

Os testes durarão aproximadamente quatro anos e serão realizados com parceiros dos Estados Unidos, Itália, Grã-Bretanha, Chile, Suécia e Quênia. Batizado de NestoroneGel, o produto contém dois hormônios sintéticos: testosterona e progestagênio.

O progestagênio impede os testículos de produzir testosterona o suficiente para o nível normal de esperma. E a testosterona substitutiva é necessária para contrastar o equilíbrio hormonal, mas sem produzir espermatozoides. O gel deve ser aplicado nos braços e nas costas dos homens diariamente. “Não é um grande esforço. Só é necessário lembrar de usá-lo todos os dias” , explicou Diana Blithe, diretora do programa de desenvolvimento de contraceptivos do Nichd. Continue lendo

NOVO GEL CONTRACEPTIVO MASCULINO

Um gel contraceptivo masculino foi projetado para ser uma forma reversível e menos invasiva de vasectomia, e está sendo observado como uma forma confiável de contracepção em primatas. Trazendo a perspectiva de uma forma alternativa de controle de natalidade para os seres humanos mais perto.

O produto, chamado Vasalgel, foi projetado para ser uma forma reversível e menos invasivo que uma cirurgia e no último estudo foi 100% eficaz na prevenção da concepção. Uma gota do gel é injetada no tubo portador de esperma, conhecido como o canal deferente, e atua como uma barreira de longa duração.

Testes anteriores em animais menores mostraram que o procedimento poderia ser facilmente revertido por quebra do gel usando ultra-som.

Catherine VandeVoort, do Centro Nacional de Pesquisa de Primatas da Califórnia e principal autora do estudo, disse: “As opções de contracepção dos homens não mudaram muito em décadas. Há vasectomia, que é pouco reversível, e preservativos. Se soubessem que poderiam obter um contraceptivo confiável que também poderia ser revertido, acho que seria atraente para eles. ”

Continue lendo