RESSECAMENTO DOS LÁBIOS – PRINCIPAIS CAUSAS

Os lábios são uma mucosa que reveste a boca. Diferente de outras partes do corpo, como a  pele, esta é muito mais sensível a danos de atrito, ação do tempo e temperatura e não possui revestimento de queratina, substância essa que impermeabiliza a pele.

A pensar de muitas pessoas não se importarem com os lábios, o ressecamento dele vai muito além de apenas ser um efeito do tempo frio e seco.

Cuidar dos lábios ajuda não só na boa aparência da pessoa, bem como pode ser indicativo de algum problema no copo.

As causas dos lábios ressecados podem ser consequências de: Continue lendo

ABIRATERONA PARA CÂNCER DE PRÓSTATA É INCLUÍDO NO SUS

O Ministério da Saúde resolveu incluir na lista de medicamentos do Sistema Único de Saúde (SUS) mais uma substância para o tratamento do câncer de próstata. A abiraterona poderá ser utilizada em pacientes em metástase após uso prévio de quimioterapia. O prazo máximo de oferta ao SUS é de 180 dias a partir do dia 24-07-2019.

A recomendação da incorporação do medicamento foi feita pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec). 

Para os pacientes em que a doença evolui, a primeira linha de tratamento é a terapia hormonal seguida por quimioterapia, já ofertados pelo sistema público e considerados tratamento padrão. No entanto, apesar de fornecer resultados iniciais positivos, essas linhas podem ser abordagens paliativas, e não curativas. Assim, após um período de tempo, a doença pode voltar a evoluir. Para esses casos, a abiratona poderá ser incluída como mais uma alternativa para controle do tumor. Continue lendo

EQUIMOSE PERIORBITAL – OLHOS DE GUAXINIM

A equimose periorbital, popularmente conhecida como olhos de guaxinim, é uma condição caracterizada pela presença de grandes manchas roxas ao redor dos olhos, causadas por sangramentos internos na face.

Esta condição é caracterizada pela presença de hematomas e descoloração em torno dos olhos de uma pessoa que se assemelham a círculos escuros em torno dos olhos de um guaxinim.

Esse problema não ocorre devido a falta de sono ou ao uso de cosméticos, mas resultado de uma lesão na face ou no crânio. Continue lendo

HIFEMA

Hemorragias oculares podem ocorrer em diferentes partes do olho. O termo derrame intraocular anterior ou hifema é usado quando o sangramento ocorre na câmara anterior do olho devido a maior parte das vezes a traumatismos oculares

Sendo assim o hifema pode ser definido como uma hemorragia na parte interior do globo ocular, mais especificamente na câmara anterior.

O hifema ocular é uma hemorragia nos olhos que ocorre como consequência de uma lesão no globo ocular que pode ser uma lesão superficial ou mais profunda. Pode ser consequência de um trauma ocular contuso (sem perfuração) ou perfurante quando existe perfuração da córnea ou da esclera. Continue lendo

ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL – AVC: SAIBA COMO AJUDAR

O Acidente Vascular Cerebral (AVC), também conhecido como “Derrame Cerebral”, é uma doença crônica não transmissível e é uma das principais causas de morte, incapacidade adquirida e internações em todo o mundo. Acontece quando vasos que levam sangue ao cérebro entopem ou se ropem, provocando a paralisia da área cerebral que ficou sem circulação sanguínea.

É uma doença que acomete mais os homens do que as mulheres.

Continue lendo

EJACULAÇÃO RETARDADA: VOCÊ SABIA?

A ejaculação é a ação física de liberação de conteúdo seminal, mediante estímulo adequado. Em alguns casos, pode-se notar que há uma demora para que esse processo ocorra, mesmo havendo excitação e estímulo. Para esse caso, podemos atribuir o nome de ejaculação retardada.

Sendo assim a ejaculação retardada é a dificuldade de ejacular, mesmo quando se há excitação sexual, ereção e estimulo sexual. Pode ocorre em cerca de 1-4% da população masculina.

A ejaculação retardada pode ocorrer de forma primária, quando o indivíduo nunca foi capaz de ejacular durante relação sexual e de forma secundária, onde o indivíduo era capaz de obter uma ejaculação durante ato sexual, mas e algum momento de sua vida, isso passou a ficar difícil de ocorrer ou não mais ocorreu. Continue lendo

CIRURGIA METABÓLICA: O QUE É?

Define-se cirurgia metabólica como qualquer intervenção do tubo digestivo, que tem como finalidade o controle do diabetes do tipo 2, com ou sem medicação através de mecanismos independentes da perda de peso, e também secundariamente por perda de peso.

A Cirurgia Metabólica poderá ser indicada para o tratamento de pacientes que possuem diabetes mellitus Tipo 2 (DM2), com Índice de Massa Corporal entre 30 Kg/m2 a 35 Kg/m2.

Também é necessário que o paciente não responda bem aos outros tratamento para controle da diabetes tipo 2, não tenha a doença diagnosticada a mais de 10 anos e idade mínima de 30 anos e máxima de 70.

Continue lendo