HTLV – VÍRUS LINFOTRÓPICO DA CÉLULA T HUMANA

O HTLV, Vírus Linfotrópico da Célula T Humana, é um vírus da família do HIV que pode desencadear paralisia nas pernas e leucemia em até 5% dos pacientes infectados. 

Possui 2 subtipos: HTLV-1 e HTLV-2.

A gravidade das doenças que pode causar, porém, é inversamente proporcional ao investimento em pesquisas para o tratamento do vírus. Descoberto em 1980, ainda pouco se sabe sobre ele. Tampouco há cura.

O vírus T-linfotrópico humano 1 (HTLV-1) é semelhante ao vírus da imunodeficiência humana (HIV), o vírus que causa a AIDS. O vírus HTLV-1 pode causar certos tipos de leucemia e linfoma (câncer dos glóbulos brancos).

A infecção pelo vírus T-linfotrópico humano (HTLV) 1 e 2 pode causar leucemias e linfomas de células T, linfadenopatia, hepatosplenomegalia, lesões cutâneas e imunodepressão. Alguns pacientes infectados por HTLV desenvolvem infecções similares às que ocorrem em pacientes infectados por HIV.

O retrovírus HTLVé transmitido por contato sexual, uso de drogas intravenosas (IV) ou exposição a sangue infectado ou da mãe para o filho pela amamentação. É mais comum em prostitutas, usuários de drogas IV, pacientes em hemodiálise e de áreas endêmicas, como das regiões equatoriais, sul do Japão e partes da América do Sul.

Uma doença semelhante pode resultar de infecção com um vírus similar, o vírus T-linfotrópico humano 2 (HTLV-2).

O vírus se aloja nos glóbulos brancos. Como o líquido cefalorraquidiano contém glóbulos brancos, a medula espinhal pode ser lesionada. A lesão é mais decorrente da reação do corpo ao vírus que ao vírus em si.

É um vírus que não possui tratamento padronizado com alta eficiência e poucas pesquisas a seu respeito estão em curso.


SINTOMAS DOS PORTADORES DE HTLV

As estatísticas indicam que apenas 5% das pessoas infectadas pelo HTLV desenvolvem problemas de saúde relacionados com o vírus. Nesses casos, em geral, instalam-se quadros neurológicos degenerativos graves e de leucemias e linfomas.

No entanto, a infecção pode ser absolutamente assintomática. Quando se manifestam, são sintomas indicativos de doença neurológica: dor na batata da perna e nos pés, na coluna lombar, fraqueza, dormência e formigamentos nos membros inferiores,perturbações urinárias.

Nos quadros de leucemia e linfomas, os sintomas mais comuns são: lesões cutâneas maculopapulares, descamação, gânglios infartados, alterações visuais e ósseas.

 


DIAGNÓSTICO

Muitas vezes, a pessoa descobre que é portadora do HTLV, por acaso, quando vai doar sangue, por exemplo. O diagnóstico de certeza só é estabelecido pelos resultados positivos dos testes ELISA e Western-blot específicos para esse tipo de retrovírus. No entanto, tomar conhecimento da infecção é fundamental para controlar a transmissão do vírus.

 



REFERÊNCIAS:

– MSD Manuals, Versão para a Saúde da Família [Paraparesia espástica tropical/mielopatia associada a HTLV-1]. Disponível em: https://www.msdmanuals.com/pt/casa/dist%C3%BArbios-cerebrais,-da-medula-espinal-e-dos-nervos/doen%C3%A7as-da-medula-espinhal/paraparesia-esp%C3%A1stica-tropical-mielopatia-associada-a-htlv-1

– Uol Notícias, Ciência e Saúde [Negligenciado, vírus ‘primo’ do HIV pode causar leucemia e paralisia]. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-Vírusnoticias/redacao/2018/11/10/primo-do-hiv-virus-htl-e-silencioso-desconhecido-e-precisa-ser-estudado.htm?

– Site Dr. Drauzio Varella [HTLV (Vírus linfotrópico da célula humana)]. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/htlv-virus-linfotropico-da-celula-humana/

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *