EJACULAÇÃO RETARDADA: VOCÊ SABIA?

A ejaculação é a ação física de liberação de conteúdo seminal, mediante estímulo adequado. Em alguns casos, pode-se notar que há uma demora para que esse processo ocorra, mesmo havendo excitação e estímulo. Para esse caso, podemos atribuir o nome de ejaculação retardada.

Sendo assim a ejaculação retardada é a dificuldade de ejacular, mesmo quando se há excitação sexual, ereção e estimulo sexual. Pode ocorre em cerca de 1-4% da população masculina.

A ejaculação retardada pode ocorrer de forma primária, quando o indivíduo nunca foi capaz de ejacular durante relação sexual e de forma secundária, onde o indivíduo era capaz de obter uma ejaculação durante ato sexual, mas e algum momento de sua vida, isso passou a ficar difícil de ocorrer ou não mais ocorreu. Continue lendo

A IMPORTÂNCIA DE SE VACINAR

Vacinar-se é prover a saúde de forma individual e coletiva. A vacinação é fundamental para a prevenção de uma série de doenças infecciosas. Reduz a morbidade dessas doenças e inclusive a mortalidade de várias delas.

As vacinas são compostas por substâncias e microrganismos inativados ou atenuados que são introduzidos no organismo para estimular a reação do sistema imunológico quando em contato com um agente causador de doenças.

Sendo assim, quem se vacina está se protegendo de doenças que podem facilmente causas epidemias e levar as pessoas a morte.

Ao se vacinar, você contribui para:

  • Redução dos números de casos de doenças infecciosas em toda a comunidade, uma vez que a transmissão é diminuída;
  • Diminuição do número de hospitalizações;
  • Redução de gastos com medicamentos;
  • Redução da mortandade;
  • Erradicação de doenças.

Assim, que não se vacina põem em risco a saúde individual como coletiva, uma vez que muitas doenças não podem ser prevenidas apenas com saneamento básico adequado e higiene pessoal, como o caso do vírus da gripe.

 

 

INFORMATIVO: VACINA DA GRIPE 2019

VACINA DA GRIPE

A vacina da gripe distribuída pelo Sistema Único de Saúde (SUS) tem 70% de eficácia.

Após tomar a vacina, ela demora cerca de 15 dias para que seu organismo comece a ter anticorpos capazes de defender o corpo conta o vírus influenza.

Sendo assim o paciente que tomou a vacina e sentiu mal estar parecido com a gripe pode sofrer de duas hipóteses:

1 – Reação adversa leve a vacina, que pode desencadear dor local, inchaço, febre baixa, dores no corpo e de cabeça. Este sintomas tendem a desaparecer em 48 horas.

2 – Ter tido contato com o vírus da gripe no trajeto até o centro de saúde ou mesmo, no centro de saúde, desenvolvendo gripe ou resfriado antes que a vacina se torne efetiva ao corpo.

A vacina é efetiva no combate ao vírus influenza, é importante salientar que este não é o mesmo que causa o Resfriado e as Alergias. Sendo assim a Vacina não é eficaz contra essas doenças.

A VACINA DA GRIPE NÃO CAUSA GRIPE

 

DEPRESSÃO: COMO ELA AFETA A FAMÍLIA?

Quando usamos o termo depressão, estamos falando de uma condição médica comum, com sintomas muito específicos. Esses sintomas têm uma intensidade e duração significantes e podem afetar as funções e o bem-estar de uma pessoa, de várias formas.

Esse tipo de depressão requer tratamento, uma vez que pode prejudicar seriamente a capacidade de uma pessoa desempenhar as atividades inerentes a uma vida normal, no trabalho, e em seus relacionamentos.

A depressão pode afetar de inúmeras formas o nível de humor, a perspectiva de vida, o comportamento e as funções físicas de uma pessoa. Sentimento de ansiedade ou uma sensação de medo de que algo de terrível está para acontecer, com frequência acompanha os sintomas da depressão.

O pensamento depressivo geralmente está muitas vezes associado a uma baixa autoestima e pode tomar a forma de ideias negativas sobre si mesmo e o seu futuro. Continue lendo

CRISE DE AUSÊNCIA

A crise de ausência pode ser descrita como uma manifestação da epilepsia, bem mais comum em crianças do que em adultos. Consiste em perda da consciência por menos de 20 segundos, com tremor palpebral; o tônus da musculatura axial pode ou não ser perdido.

A pessoa que sofre desse mal, fica ausente e estática por alguns segundos, depois retornam naturalmente ao momento que foi interrompido.

Os pacientes não caem nem apresentam contrações espasmódicas; cessam abruptamente sua atividade, retomando-a da mesma forma, sem sintomas pós-ictais ou sem saber que tiveram uma crise epiléptica. Continue lendo

HÁBITOS QUE PODEM PIORAR A GRIPE

A gripe é uma doença que pode afetar qualquer pessoa. Por ser uma infecção viral que afeta especialmente as vias aéreas e o pulmão. Para contraí-la, basta entrar em contato com secreções de pessoas infectadas, de forma direta ou indireta.

A gripe ataca os pulmões, o nariz e a garganta. Crianças pequenas, idosos, gestantes e pessoas com doenças crônicas ou imunidade baixa correm alto risco.

Em média, os brasileiros ficam doentes 3 vezes de gripe ao ano e gastam 5 a 7 dias para a sua completa recuperação.

Em indivíduos com o sistema imunológico fragilizado, essa enfermidade pode evoluir para uma pneumonia. Ao contrário do resfriado, que progride lentamente, a gripe aparece de uma vez. Continue lendo

TRATAMENTO DO SANGUE PARA DOAÇÃO

As bolsas de sangue total coletadas podem e devem ser processadas para a obtenção dos hemocomponentes. Esse processamento, que é feito por meio de centrifugação, separa os diversos componentes sanguíneos, possibilitando que o paciente (receptor de uma transfusão de sangue) receba, num menor volume, somente o componente sanguíneo do qual necessita.

Nesta fase, ou quando a coleta for realizada por aférese, podem-se obter os seguintes hemocomponentes: concentrado de hemácias, concentrado de plaquetas, concentrado de granulócitos, plasma (plasma fresco congelado/rico, plasma comum/normal/simples/e plasma isento do crioprecipitado) e o crioprecipitado. Continue lendo